MERCADO HOJE – INTERNACIONAL – 04/08/2020

COMENTE - COMPARTILHE

Mercados: Bolsas asiáticas deram sequência aos movimentos de alta, com ganhos em Tóquio (+1,7%), Xangai (+0,1%) e Hong Kong (+2,0) na sessão desta 3ªfeira. Na zona do euro, os principais índices de mercado amanheceram na contramão dos pregões asiáticos, com ligeiro viés negativo. O Stoxx 600, índice que abrange uma gama de ativos ao redor do continente europeu, recua 0,3% até o momento. Em NY, índices futuros seguem a mesma tendência verificada nos pregões europeus, com baixas da ordem de 0,3%, enquanto o dólar (DXY) se mantém estável contra seus principais pares. Na fronte das commodities, ativos acompanham a piora de humor dos mercados. O preço do petróleo (Brent Crude) recua 1,5%, negociado em torno de US$ 43,50/barril. Tensões sino-americanas amarguram sentimento: Mercados globais iniciaram a sessão de 3ªfeira no vermelho, reflexo do surgimento de indícios mais fortes de um novo confronto entre China e Estados Unidos. Enquanto isso, investidores seguem esperando um desfecho das negociações em torno de um novo pacote de estímulo econômico no Congresso americano até o final da semana, quando Senadores do país entrarão em recesso. O fato de que o auxílio emergencial aos desempregados venceu no fim de julho tem tornado o entendimento ainda mais urgente, com milhões de desempregados ficando sem o seu suporte suplementar. Guerra tecnológica segue tomando forma: O presidente americano, Donald Trump, confirmou ameaças recentes ao ordenar o fechamento das operações americanas do TikTok, aplicativo da empresa de software chinesa, ByteDance Ltd., para o dia 15 de setembro, a não ser que elas sejam vendidas a uma empresa americana – a Microsoft já vinha mostrando interesse na aquisição. Ainda, o presidente declarou que a venda terá de render frutos ao governo americano, uma vez que o sucesso do aplicativo só foi possível pela participação dos EUA. Sem ter participação no negócio, a solicitação do presidente não teria precedentes na história americana - o governo nunca recebeu recursos da venda de um ativo em que ele não tinha participação. Naturalmente, a China já ameaçou responder com medidas retaliatórias próprias, acusando os EUA de estar tentando roubar uma empresa de tecnologia chinesa. Ainda não está claro qual será o movimento, mas o novo atrito já promove mal estar na manhã de 3ªfeira. Fonte:. Relatório GUIDE



0 visualização
Envie sua Mensagem

Celular: ( 61 ) 98324-2223

E.Mail: ctn@agrocapitais.com.br