MERCADO HOJE – NACIONAL – 17/07/2020

COMENTE - COMPARTILHE Tributária na próxima terça... O ministro Paulo Guedes prometeu enviar a primeira contribuição do governo à reforma tributária já na próxima terça-feira (21). Guedes aparenta ter como estratégia o envio da proposta do governo por etapas – no ano passado, antes do debate em torno da reforma perder ímpeto, ele revelou que esta seria a tática usado pelo governo durante construção da proposta. Apesar das várias promessas não cumpridas, onde Guedes prometeu apresentar a proposta e não a apresentou, acreditamos que “dessa vez vai”. Começando pelo que é consenso... Esta etapa inicial do debate, que trata da união dos tributos PIS e Cofins, é uma das poucas alterações que são unanimes entre todos os participantes no debate tributário. A junção representa o início da criação de um Imposto sobre Valor Agregado (IVA). A inclusão de outros tributos abaixo do guarda-chuva do IVA – em especial o ICMS, dos estados, e ISS, dos municípios –deve gerar mais discordância e resistência. Nova CPMF pode financiar Renda Brasi... A criação de um tributo sobre transações financeiras, outro ponto de atrito entre o Executivo e o Congresso, também deve ser discutido em uma etapa futura dos debates. Uma vinculação entre a “nova CPMF” e a criação do programa assistencialista Renda Brasil pode ser uma estratégia usada por Guedes para conquistar o apoio de mais parlamentares. O casamento entre as duas propostas pode até angariar mais apoiadores no Legislativo, mas revogaria o intuito inicial do tributo, que foi concebido para desonerar a folha de pagamento. Carne e soja exportada para UE pode originar de áreas desmatadas... Segundo um estudo da revista “Science”, 17% da carne e 20% da soja exportada da Amazônia e do serrado para a União Europeia pode originar de áreas desmatadas. O levantamento feito pela publicação cientifica deve fortalecer a resistência ambientalista na Europa às commodities brasileiras e apresentar mais um obstáculo para o tratado comercial em construção entre o bloco econômico europeu e o Mercosul. 2% das propriedades ilegais... Também segundo o estudo, 2% das propriedades são responsáveis por 60% do desmatamento que abriu espaço para as atividades agropecuárias de onde surgem as exportações, sugerindo que o governo poderia combater boa parte da cultivação ilegal focando em um número relativamente pequeno de propriedades. Fonte: Relatório GUIDE


SOBRE O FECHAMENTO DO ÚLTIMO PREGÃO: Ibovespa: 100.553 (-1,22%) Real/Dólar: 5,32 (-0,85%) DI Jan/27: 6,38% (-4 bps) S&P 500: 3.215 (-0,34%) Fonte: Bloomberg. Obs.: a taxa de câmbio utilizada é a referência da Bloomberg

0 visualização
Envie sua Mensagem

Celular: ( 61 ) 98324-2223

E.Mail: ctn@agrocapitais.com.br